"Ai, que preguiça!" ou Costela de Porco com Ervas acompanhada de Feijão Tropeiro e Duchesse


"Que nada é impossível
não é verdade;
todo o mundo faz nada
com facilidade."

(Millôr Fernandes)
 Bateu preguiça agora a tarde, depois do almoço. Deve ser o corpo querendo degustar pacientemente os sabores e cheiros experimentados nessa hora divina em que nos transformamos em alquimistas, bruxos ou chefs.

O dia também segue lerdo, leniente... aliviando o fardo do dia a dia. São horas de ficar observando o céu mudar de cor, descer lentamente o vinho na taça, até o anunciar da noite.


"Vamos, irmão pequeno, entre palavras e deuses,
Exercer a preguiça, com vagar."

(Rito do Irmão Pequeno - Mario de Andrade)


"Lua e Sol, juntos no mais nobre
Do seu esplendor,
Surgem rivais sobre sua fronte,
E é infinito seu regozijo."

(Canto Arawi)


Sem mais preguiça, lombeira, vamos ao prato de hoje:

Costela de Porco com Ervas

Separe uma peça de Costela de Porco generosa (com bastante carne), Manteiga de Ervas (Clique aqui para ver a receita), Alecrim a gosto, 1 Limão, Hortelã fresca a gosto e Pimenta do Reino a gosto.

Tempere a costela de porco com a manteiga de ervas de véspera. Esfregue bastante manteiga em toda a peça. Seja generoso. Esprema o caldo do limão sobre a peça de costela e depois salpique a pimenta do reino, as folhas de hortelã e de alecrim. Reserve na geladeira em um recipiente fechado até o dia seguinte, na hora de levá-la ao forno.

Aqueça o forno em temperatura alta por 10 minutos. Coloque a peça de costela de porco em uma assadeira e cubra com papel alumínio. Leve ao forno por 1 hora, com temperatura de 220º.

Retire o papel alumínio que envolve a assadeira, corte fatias da manteiga de ervas e espalhe por cima da costela de porco e deixe no forno por mais 15 minutos.

Vire a costela de porco na assadeira e espalhe novamente fatias de manteiga de ervas por toda a peça. Adicione um pouco de água se a assadeira estiver sem caldo. Deixe por mais 15 minutos. Repita essa operação por mais duas vezes.

Verifique o ponto. Se estiver macia e dourada, suculenta, está pronta. Se quiser, deixe por mais 15 minutos tomando cuidado para não passar do ponto.

Aprecie os cheiros enquanto a costela de porco estiver assando.

Feijão Tropeiro

Você vai precisar de duas xícaras de Feijão Preto catado, duas folhas de Louro, 100 gramas de Bacon em pedaços pequenos, 1 Linguiça Calabresa Defumada cortada em pedaços pequenos, 1/2 Cebola picada, 2 dentes de Alho socados, 2 Ovos mexidos, 3 colheres de sopa de Farinha de Mandioca torrada, Azeite, Sal a gosto e Pimenta do Reino a gosto.

De véspera, deixe o feijão de molho na água com as folhas de louro.

Escorra a água em que o feijão ficou de molho e leve-o para cozinhar na panela de pressão com sal e a folha de louro. Cuidado para não passar do ponto, ou seja, ficar muito mole. Quando estiver no ponto, escorra o caldo (pode aproveitar o caldo e preparar um feijão amigo) e reserve os grãos do feijão. Em uma panela, frite o bacon e reserve. Aproveite a gordura do bacon e frite as linguiças e reserve. Em outra panela, aqueça o azeite na quantidade que baste e refogue a cebola. Após um minuto, adicione o alho e refogue. Acrescente o bacon já fritado. Junte pimenta do reino a gosto e mexa. Adicione as linguiças e mexa. Acrescente os ovos mexidos e mexa. Junte os grãos de feijão e mexa bem para pegar todos os temperos. Adicione a farinha de mandioca e mexa. Acrescente azeite para não deixar o feijão tropeiro muito seco. Reserve e sirva quente.

Novamente, aprecie os cheiros.

Duchesse ou Purê de Batata Duquesa

Separe 1 kilo de Batata, 100 gramas de Manteiga sem Sal, 1 Ovo, 4 Gemas, Pimenta do Reino a gosto, Páprica Picante ou Noz Moscada a gosto e Sal a gosto.

Descasque e cozinhe a batata para fazer um purê. Depois de amassada, acrescente a manteiga, o ovo e as gemas. Mexa toda a massa. Acrescente o sal, a pimenta do reino e a páprica picante e mexa bem para incorporar tudo à massa.

Para finalizar, você pode colocar a massa dentro de um saco de confeiteiro ou arrumar em um pote pequeno (minha opção). Leve ao forno com temperatura de 220º, por 15 minutos. Se você tiver um maçarico (eu não tenho) pode finalizar, dourando a massa antes de servir.

Arrumar o prato:

Picotei com a mão folhas de Alface Romana e arrumei em um canto do prato. Por sobre as folhas de Alface Romana, fiz um montinho (usando uma xícara) com o Feijão Tropeiro. Ao lado, arrumei uma posta da Costela de Porco com Ervas e ao lado, o pote com a Duchesse.


Hoje não tenho outras fotos nem outros textos, deu preguiça de tirar ou as que tirei, não gostei. Também não procurei outros textos, poesias ou músicas... tudo efeito da lombeira. Agora chega... 


"Ai, que preguiça!"


Comentários

Postagens mais visitadas