Costelinha de Porco no Molho Shoyo com Açúcar Mascavo


Um homem subira o alto de uma montanha.
Era um final de tarde de verão e depois de um dia quente, algumas nuvens ameaçavam derramar sobre o mundo, mas ele subiu mesmo assim.
Lá no alto da montanha, as nuvens corriam e derramavam ao lado e o homem, no alto da montanha, descalço e sem blusa, sentia o ar gelado da tempestade que se aproximava.
O homem trazia na pele as camadas do tempo e os olhos, já gastos, se perdiam no horizonte distante.


E no alto da montanha, centenas de andorinhas voavam festejando o final da tarde e a chuva que vinha. E o homem, no alto da montanha, os braços abertos... as andorinhas voavam por ele, rasantes e precisas. Até que veio a tempestade...



Escolha aproximadamente um quilo de Costelinha de Porco, com bastante carne. Separe seis colheres de sopa de Açúcar Mascavo, duas garrafas long neck de Cerveja Preta, duas colheres de sopa de Sal Grosso, Pimenta do Reino a gosto, uma xícara de chá de Água, uma xícara de chá de Molho Shoyo, um terço de uma xícara de chá de Gengibre descascado e picado, Cebolinha e Salsinha a gosto e uma colher de sopa de Azeite.

Deixe as costelinhas de porco temperando na marinada com pelo menos 12 horas de antecedência. Em uma bacia, coloque uma das garrafas de cerveja preta, três colheres de sopa de açúcar mascavo, o sal grosso e pimenta do reino a gosto. Misture e coloque a costelinhas de porco, virando após seis horas. Reserve na geladeira até o momento de prepará-la.

Em uma panela grande, esquente o azeite em fogo médio, coloque três colheres de açúcar mascavo e as costelinhas de porco cortadas à passarinho, com osso. Deixe dourar. Acrescente pimenta do reino, cebolinha e salsinha a gosto.

Enquanto isso, coloque a outra garrafa de cerveja preta no liquidificador junto com a água, o molho shoyo e o gengibre. Bata rápido.

Quando as costelinhas estiverem douradas, acrescente o liquido preparado no liquidificador, coando-o e deixe cozinhar em fogo baixo por aproximadamente 1h30min, ou até as costelinhas estarem macias. Acrescente água quente se for necessário.

Acompanhei o prato com Batatas Sautée e Salada Verde de Alface e Rúcula, com Tomate Cereja, Mel, Pimenta do Reino, Azeite e Queijo Parmesão.

Para arrumar o prato, coloquei no meio as Batatas Sautée, salpiquei Flor de Sal e Salsinha e por cima, coloquei pedaços de Costelinha de Porco. Por cima, coloquei um ramo de Alecrim para decorar.

Servi a Salada Verde a parte, mas é possível arrumá-la no mesmo prato.






E nos olhos do homem no alto da montanha, as infinidades que nos encantam...








Take leave in conscious mind
Found myself to be so inclined
Why sleep in discontent...
Oh, the price of companionship

My shadow runs with me
Underneath the big white sun
My shadow comes with me as we leave it all
We leave it all far behind

On empty pocket's wealth
Love will create a sense of wealth
Why contain yourself like any other book on a shelf

My shadow lays with me
Underneath the big white sun
My shadow stays with me as we leave it all
We leave it all far behind

Subtle voices in the wind,
And the truth they're telling
The world begins where the road ends
Watch me leave it all behind
Far behind...


Comentários

Postagens mais visitadas